Praga

July 23rd, 2010 | Blog, Praga | voltaeuropa | 1 Comment

Seguimos para Praga de autocarro. Para além da viagem ser simplesmente deliciosa, parámos umas horas em Krumlov, uma pequeníssima vila no sul da Boémia cujo encanto atrái, justificamente, visitantes à cerca de 600 anos. Chegamos a Praga e fomos recebidos por um amigo português e novamente ficamos a 10 passos de distância do centro, bem próximo da praça principal. A cidade é mágica e a arquitectura transforma-a numa cidade que não se parece com nenhuma, s e Alice vivesse, certamente seria aqui. Uma mistura constante e galopante de estilos e cores e estátuas e gárgulas que se repetem fazem deste local algo de único e invulgar. Conseguir evitar a hercúlea quantidade de turistas e assistir ao nascer do Sol na Charles Bridge é uma experiência que se recomenda vivamente e para quem conseguir suportar a multidão, o famoso relógio astronómico com as suas figuras animadas é muito curioso. A antipatia checa é directamente proporcional à magia que estala pela cidade, porém, a cada m2 Praga faz-te sentir protagonista de um conto de fadas. Caminhar pelas ruas da cidade de Frank Kafka ou Dvorak é, acima de tudo, uma experiência muito romântica!

One Response and Counting...

  • Eduardo Lobato 07.23.2010

    Que saudades eu tenho vossas…Isso é que é Vida

Leave a Reply

* Name, Email, and Comment are Required